Kamila lança a comovente“Tanto Faz”

25/02/2021

Com atmosfera melancólica ao piano, artista mostra seu lado mais profundo em novo trabalho

O que fazer quando o coração bate mais forte por alguém comprometido? Como encarar a desventura de ser a "outra" pessoa? Kamila se entrega a esse sentimento complexo em "Tanto Faz", lançamento da quinta-feira, dia 25 de fevereiro. A letra diz "Pra você chegar chorando e voltar sorrindo / E fazer amor naquele clima de perigo / Se é traição ou não você nem sabe mais / Se a consciência já não pesa, tanto faz". A artista já comandava o sucesso de músicas de sofrências como "Colecionar Ressaca", "Embriagados da Paixão" e "Melhor de Três", e agora aposta na linha de "Coração Entende", canções românticas que emocionam os ouvintes.

"Quando a relação é pautada em mentira e traição, você pode acabar ferindo as pessoas. É a falta de coragem para olhar pras coisas de forma sincera no dia a dia que vai levando as pessoas pra esses relacionamentos não saudáveis. Mesmo não concordando com essa postura, eu me coloco como instrumento para poder dar voz a atitudes e sentimentos muito comuns", conta Kamila". A produção musical de "Tanto Faz" leva assinatura de Luis Gustavo Garcia e Orlando Baron, dois gigantes da produção musical no Brasil.

"É uma canção que traz ambiência para o piano, mais acústica. Sinto que o Luis e o Baron tiveram uma sensibilidade muito grande em manter essa melancolia que vem do início ao fim. Então, é um clima dolorido, uma música lenta com bastante sentimento e que, ao mesmo tempo, mantém a doçura", completa a artista.

No clipe gravado nos estúdios da LB7, em Itatiba (SP), a cantora aparece tocando piano em um ambiente intimista ao lado de músicos. "Minha relação com o piano começou cedo, aos onze anos de idade, e sempre fui muito dedicada. É um instrumento que faz parte da minha essência, me dá mais independência musical, me aproxima mais da música e chama atenção . Muitas vezes os cantores não tocam instrumento, então isso é algo que soma e é um diferencial", explica.

TANTO FAZ

Por: Elisangela Evangelista